Aço inoxidável 304 vs 316

O aço inoxidável é bem conhecido devido à sua resistência à corrosão. Todos os seus graus são dotados de excelentes propriedades. Os fabricantes os utilizam para fabricar produtos duráveis. No entanto, os graus de aço inoxidável 304 vs. 316 estão entre os mais discutidos.

 

Os aços inoxidáveis austeníticos 304 e 316 têm aparência semelhante, mas são diferentes em muitos aspectos. Para entender a distinção entre eles, é preciso examinar suas composições químicas. Neste artigo, analisaremos as principais diferenças entre eles. Então, vamos começar!

 

Visão geral do aço inoxidável 304 e 316

Visão geral do aço inoxidável 304 e 316

Essas ligas diferem em termos de sua composição química. A liga 304 contém 18% de cromo e 8% de níquel. Por outro lado, o aço inoxidável 316 contém 16% de cromo, 10% de níquel e 2% de molibdênio. Devido ao molibdênio, o aço inoxidável 316 é considerado superior.

 

Essas duas ligas são fortes e duras. Elas são usadas em produtos que exigem resistência à corrosão. Ambas consistem em cromo, que forma uma camada de óxido de cromo na superfície. Essa camada protege o produto contra a corrosão, tornando-o famoso.

 

Seu uso é comum em muitos setores. Entretanto, o 316 é considerado mais adequado para o nível profissional. Isso ocorre porque o 316 contém molibdênio, que oferece melhor resistência ao calor. Em termos de aparência física, essas duas ligas são semelhantes.

 

Diferentes testes químicos são realizados para diferenciá-los. Se você for comprá-los em qualquer loja, certifique-se de obter um certificado de teste. As chances de fraudes são altas, pois ambos são semelhantes. Alguns vendedores mal-intencionados vendem o 304 com o nome de 316. Lembre-se de que o 316 é premium e mais caro. Portanto, você paga mais para obter aço inoxidável 304.

 

Quais são as diferenças entre o aço inoxidável 304 e 316?

What are the Differences between 304 and 316 Stainless Steel

Como eu disse anteriormente, muitas de suas características são semelhantes. Muitas pessoas os consideram semelhantes e os usam de forma intercambiável. Entretanto, há algumas diferenças importantes. Compreender esses dois tipos de produtos requer uma análise profunda. Vamos nos aprofundar e discutir suas principais diferenças.

 

1- Composição química

 

Uma das diferenças mais importantes entre eles é sua composição química. O 304, também conhecido como aço inoxidável 18/8, não contém molibdênio. Por outro lado, o aço inoxidável 316 tem 2% de molibdênio. A presença desse elemento no 316 o torna mais resistente ao calor e mais duro.

 

A composição química das ligas 304 é a seguinte:

  • Cromo: 18.0%
  • Níquel: 8.0%
  • Carbono: ≤ 0,08%
  • Manganês: ≤ 2.0%
  • Silício: ≤ 1,0%
  • Fósforo: ≤ 0,045%
  • Enxofre: ≤ 0,030%
  • Nitrogênio: ≤ 0,10%
  • Ferro: Traços

 

O cromo e o níquel estão presentes em quantidades maiores. Os outros elementos que estão em menor quantidade não têm muito impacto em suas propriedades. O cromo é um elemento premium que torna o 304 resistente à corrosão. Vamos dar uma olhada na composição química do aço inoxidável 316:

  • Cromo: 16%
  • Níquel: 10%
  • Molibdênio: 2%
  • Carbono: 0,08% máximo
  • Manganês: 2,0% máximo
  • Silício: 1,0% máximo
  • Fósforo: 0,045% máximo
  • Enxofre e ferro: 0,03% máximo
  • Nitrogênio: 0,10% máximo

 

O 2% de molibdênio é digno de nota. Esse elemento torna o aço inoxidável 316 premium. Ele confere força, dureza e resistência à corrosão contra sais e cloretos. Portanto, o aço inoxidável 316 é considerado superior ao aço inoxidável 304. 

 

2- Resistência ao calor

 

Tanto o aço inoxidável austenítico 316 quanto o 304 oferecem resistência decente ao calor. Seu poder de resistência a altas temperaturas também é o mesmo. Até 870°C (1598°F), o 304 permanece em bom estado. No entanto, se você aquecê-lo continuamente a essa temperatura, ele se deteriora. Seu aquecimento prolongado pode levar à precipitação de carboneto e, por fim, à corrosão.

 

Entretanto, o aço inoxidável 316 é mais forte e mais duro. Você pode aquecê-lo continuamente a 925°C, e ele não se deteriorará. Esse poder de resistência se deve ao molibdênio 2%. Portanto, o aço inoxidável 316 é considerado melhor em termos de resistência ao calor.

 

3- Resistência à corrosão

 

Tanto o 304 quanto o 316 contêm cromo em quantidades variáveis. Quando entra em contato com a umidade, esse material de cromo forma uma camada de óxido de cromo. Essa camada protetora adicional evita que o material enferruje e sofra corrosão. Isso é comum tanto no 316 quanto no 304.

 

No entanto, o 304 também oferece excelente resistência à corrosão quando entra em contato com sal ou cloreto. Isso se deve ao molibdênio presente no aço inoxidável 316. Por outro lado, o 304 não tem molibdênio. Portanto, ele não oferece a resistência ideal à corrosão.

 

Notavelmente, o aço inoxidável 316 resiste a ácidos, álcalis e outros elementos. Isso se deve à sua melhor composição química. Um produto feito com esse material não resiste. Isso se deve ao fato de ele permanecer em contato com o ácido por um longo período.

 

Dica rápida: O aço inoxidável 316 é usado para fazer contatos marítimos. Esses produtos permanecem na água do mar e não são corroídos. O 304 não é bom para esses produtos. Em vez disso, ele é bom apenas para a corrosão causada pela umidade.

 

4- Soldabilidade e formabilidade

 

Essas duas ligas podem ser soldadas. Entretanto, o aço inoxidável 304 oferece melhor soldabilidade e conformabilidade. O motivo é que ele não é tão rígido quanto o 316. Portanto, quando o calor é fornecido, ele não se quebra nem fica quebradiço. Assim, os fabricantes podem soldar facilmente por TIG ou MIG e usar o 304.

 

Como eu disse, o 316 contém molibdênio, o que aumenta sua dureza. Assim, esse aço inoxidável se torna instável e quebradiço quando o calor é fornecido durante a soldagem. Portanto, ele é considerado sensível à soldagem. O aço inoxidável 304 é adequado para soldagem, conformabilidade e fabricação.

 

5- Propriedades mecânicas

 

O aço inoxidável 316 é considerado melhor em termos de propriedades mecânicas. Embora o 304 também seja bom, quando comparado ao 316, ele fica atrás. Essas propriedades são as seguintes:

  • Resistência à tração
  • Resistência ao escoamento
  • Alongamento na ruptura

 

O aço inoxidável 316 tem uma resistência máxima à tração maior, de 79800 psi, em comparação com os 73200 do aço inoxidável 304. Da mesma forma, a resistência ao escoamento do 316 é de 34800, enquanto sua contraparte é de 31200. As estatísticas mostram que o 316 tem propriedades melhores e é mais estável do que seu equivalente.

 

Vamos discutir o alongamento na ruptura. O aço inoxidável 304 é bom em alongamento. Ele pode ser esticado até 70% do tamanho original e não se rompe. Por outro lado, o 316 oferece alongamento de 60% e fica um pouco atrás do 304.

 

Aplicações do aço inoxidável 304 e 316

 

Essas duas ligas são usadas ativamente em diferentes setores. Devido à sua resistência à corrosão, essas são as opções preferidas dos fabricantes. No entanto, elas diferem em termos de aplicação e usabilidade. O 304 típico é usado para fabricar produtos relacionados à cozinha.

 

Por outro lado, o 316 é famoso no setor marítimo. Os fabricantes o utilizam para fabricar produtos marítimos que permanecem em água salgada. Isso ocorre porque ele resiste bem à corrosão em ambientes salgados e contra cloretos. Devido à sua resistência a altas temperaturas, ele também é usado no setor de medicamentos.

 

Aqui está a comparação detalhada dos aplicativos:

 

Aplicações do 304 Aplicações do 316 
EletrodomésticosProdutos marítimos, acessórios para barcos, ferragens, etc.
Equipamentos de processamento de alimentosDispositivos médicos e instrumentos cirúrgicos
Aplicações arquitetônicas, como fachadasCestas de aço inoxidável
Componentes elétricos Peças automotivas
Tubulações de água e molduras automotivasAplicações em sistemas HVAC

 

É importante observar que essas duas ligas são amplamente utilizadas em todos os setores. De automóveis a eletrodomésticos, os fabricantes estão fazendo uso total delas. Entretanto, o aço inoxidável 316 é o mais usado devido à sua resistência à corrosão em ambientes salinos. 

 

Quick Note: Read our other detailed guide if you are interested in learning about different grades of steel. Those types include alloy steel, stainless steel, and many more.

 

O 316 é mais caro que o 304?

 

Sim, o aço inoxidável 316 é premium e mais caro. Mas vale a pena o preço mais alto por causa de sua qualidade de primeira linha. O aço inoxidável 316 oferece maior durabilidade, resistência à corrosão e resistência a altas temperaturas. Ele prova ser um investimento melhor em longo prazo.

 

O 304 é barato e oferece qualidades comprometidas. Por exemplo, os produtos feitos com o 304 enferrujam quando entram em contato com água salgada, mas isso não acontece quando se usa o aço inoxidável 316. A durabilidade do material é fundamental no processo de fabricação.

 

O fabricante alcança a durabilidade ideal usando o aço inoxidável 316, que é mais popular do que o 304, apesar de seus preços mais altos. A escolha entre o 304 ou o 316 dependerá de suas preferências. A escolha do 316 lhe dará tranquilidade a longo prazo.

 

O que é melhor, aço inoxidável 304 ou 316?

What's Better, 304 or 316 stainless Steel

O aço inoxidável 316 oferece maior durabilidade e resistência à corrosão. Mesmo os produtos fabricados com esse material podem resistir a um ambiente salgado. O aço inoxidável 304 enferruja se ficar ao ar livre em condições salinas.

 

Além da resistência à corrosão, o 316 também resiste a altas temperaturas. Se estiver fazendo uma peça que será submetida a calor, o 316 se comportará melhor. Quando se trata de dureza, essas duas ligas são bastante semelhantes. Lembre-se de que 2% de molibdênio torna o 316 premium.

 

No entanto, as experiências pessoais podem variar. O que torna o 304 popular é sua relação custo-benefício. Se você tem um orçamento apertado, então o 304 seria uma opção adequada para você. Você poderá ter seu produto pronto a um preço acessível. 

 

Precisa decidir entre o aço inoxidável 304 e o 316 e ainda está confuso? Não se preocupe. Vou tornar essa decisão mais simples:

 

Escolha o 304 quando você tiver um orçamento comprometido. Esse será um bom ponto de partida. Embora não ofereça a durabilidade ideal, você terá o produto funcionando. No entantoopte pelo aço inoxidável 316 sem pensar duas vezes se você quiser uma durabilidade perfeita.

 

Perguntas frequentes

 

O aço inoxidável F e 316 pode ser reciclado?

Sim, tanto o aço inoxidável 304 quanto o 316 são materiais altamente recicláveis. Eles não perdem suas propriedades inerentes após a reciclagem, o que é um dos motivos pelos quais os setores usam ativamente as ligas de aço inoxidável.

 

Ambos os tipos podem ser usados em contato com produtos químicos?

Tanto o 304 quanto o 316 são resistentes a produtos químicos. Entretanto, o 316 é mais adequado para o contato com produtos químicos. Esse material é resistente à corrosão por ácidos, álcalis e soluções de cloreto, portanto, a exposição aos produtos químicos e às condições mais adversas não o afetará.

 

O 304 e o 316 têm níveis diferentes de condutividade para calor e eletricidade?

Sim, há diferenças na condutividade térmica e elétrica. O aço inoxidável 316 tem condutividade térmica e elétrica ligeiramente menor 

 

Por que escolher o aço inoxidável 304?

Esse material não é afetado mesmo quando exposto a ácidos e álcalis. Portanto, é sensato utilizá-lo e aproveitar suas propriedades excepcionais.

 

Conclusão

 

Agora, pergunte a si mesmo: Qual deles você deve considerar para o seu projeto? Tenho certeza de que você conseguirá responder à sua pergunta. Tanto o 304 quanto o 316 são excelentes e servem a seus propósitos. O 304 é recomendado para iniciantes, pois é barato.

 

Entretanto, o 316 seria adequado para profissionais devido às suas qualidades premium. Embora seja caro, suas características valem cada centavo.